A ARTE DE VINIFICAR

O Château de Gragnos inscreve-se na grande tradição francesa da “arte de vinificar”. Uma cultura e um savoir-faire zelosamente guardados e transmitidos de geração em geração de mestres de cave.

CADA VINHO E UNICO, COMPOSTO MINUCIOSAMENTE TAL QUAL UMA OBRA DE ARTE, PELOS CUIDADOS EXPERTS DE UM VERDADEIRO ARTESÃO.

UMA CULTURA DE ARTESÃO

O Château de Gragnos cultiva um savoir-faire de vinheiro independente transmitido há séculos de geração em geração. Uma abordagem sensível e modesta que se preocupa antes de tudo em ouvir e servir o terroir. Uma alma de artesão que executa cada gesto com a precisão e a paciência que exigem as obras excepcionais. O desejo de Matthieu Dubernet, Mestre de Cave, é de sublimar a natureza, de revelar a personalidade de uma safra. Para além da técnica, trata-se de uma filosofia humanista e, definitivamente, de uma verdadeira “arte de vinificar”.

UMA EXPERTISE UNICA

Enólogo e Mestre de Cave do Château de Gragnos, Matthieu Dubernet controla o destino de seus vinhos e a expressão de seu terroir. Homem do cru, apaixonado por enologia e mestre de cave de pai para filho, ele é partidário de uma vinificação em que a técnica aparece para dar suporte à expressão natural da vinha e do terroir. Uma nova visão da enologia, na qual a expertise está a serviço da sublimação e não da transformação. Em colaboração com Lawrie Brook, assistente Mestre de Cave e Caviste, Matthieu Dubernet imagina e reúne os vinhos do Château de Gragnos para a expressão perfeita de seu savoir-faire ancestral, de seu terroir único e de seu estilo incomparável.